NO AR AGORA
PASTORES
E-mail
radiorestituicao@gmail.com
Whtasapp
(19)98924-0448
NOTÍCIAS

Dengue: mês de maio já soma 21 casos de dengue e 25 suspeitas aguardam resultado de exames

A Seção de Controle de Vetores da Secretaria de Saúde de Porto Ferreira divulgou nesta segunda-feira (30/05) mais uma atualização dos casos de dengue no município. Em duas semanas foram confirmados mais 13 casos. Agora, no mês de maio já são 21 casos e, no ano, 45.

Até então o mês com maior número de positivos tinha sido março, com 13, seguido por abril, com 9. Ainda existem 25 pessoas com suspeita para dengue aguardando o resultado de exames.

Este mês a Seção de Controle de Vetores divulgou o resultado da segunda Avaliação de Densidade Larvária (ADL) de 2022, atividade de pesquisa a qual é possível mensurar o nível de infestação no município do mosquito Aedes aegypti, transmissor das doenças dengue, zika, chikungunya e febre amarela.

Os números mostram pequena melhora sobre o resultado da 1ª ADL, feita em janeiro. Porém, os dados ainda são preocupantes e coloca a cidade em situação de risco para epidemia. O Índice Predial (IP) foi de 6,53%, que indica que, da quantidade de imóveis trabalhados, 6,53% apresentaram amostras de larvas do mosquito Aedes aegypti.

Além do tipo 2 da doença, no município também circula o vírus tipo 1 (DEN1), tipo este que a população está totalmente suscetível a contaminação. Vale registrar que muitas cidades da região enfrentam epidemia de dengue, inclusive com mortes.

A forma mais eficaz de combater o mosquito é a eliminação dos recipientes que podem acumular água. Além dos mais conhecidos, deve-se prestar atenção também às caixas d’água, calhas e descarte incorreto de lixo em terrenos baldios. 

Fique atento ao aparecimento de sintomas como febre alta, dor no corpo, dor de cabeça (fundo dos olhos), vômito e diarreia e procure a Unidade de Saúde mais próximo de sua residência.

Lembre-se: a dengue mata!

Assessoria de Comunicação, Cerimonial e Eventos